Patrimônio Cultural e Imaterial e Povos Indígenas

Exemplos no Amapá e norte do Pará

Organizado por Dominique Tilkin Gallois – 2006

Neste livro, tratamos de um campo relativamente novo: o do patrimônio cultural imaterial, ou “intangível”. Na primeira parte, procuramos explicar como surgiu a atual política de preservação da UNESCO, que também está sendo adotada pelo governo brasileiro. Retraçamos brevemente as mudanças conceituais na abordagem das chamadas culturas tradicionais e populares e ressaltamos aspectos que nos parecem promissores para a valorização, interna e externa às próprias comunidades, das formas de pensamento, dos conhecimentos, das práticas culturais e das artes indígenas.

Na segunda parte, ilustramos alguns âmbitos do patrimônio cultural imaterial, a partir de exemplos dos Tiriyó e Katxuyana, dos Wayana e Aparai, dos Wajãpi e dos povos indígenas do Oiapoque. Na terceira parte, apresentamos uma breve discussão em torno de medidas adequadas para a salvaguarda do patrimônio cultural imaterial, citando algumas experiências e ações em curso, no Brasil e em outros países. Na última parte, indicamos fontes de informação, para saber mais a respeito dos instrumentos e programas desenvolvidos no contexto das políticas nacionais e internacionais.

Apoio:

Login Form