Iepé e Museu do Índio promovem debate e lançamento de publicações

Iepé e Museu do Índio promovem debate e lançamento de publicações

As ações de valorização cultural no Parque Indígena do Tumucumaque (norte do Pará) serão destaque no Museu do Índio da Funai, no Rio de Janeiro, no próximo dia 24 de março de 2011, quinta-feira, às 19h. O evento organizado pelo Iepé e Museu do Índio contará com uma mesa redonda, lançamento de livros e sites sobre os povos indígenas que habitam essa região.

 

Há vários anos, o Iepé vem desenvolvendo ações de formação de professores e pesquisadores indígenas e de valorização cultural entre os povos Aparai, Wayana, Tiriyó e Kaxuyana que habitam as terras indígena Parque do Tumucumaque e Paru d´Este, no norte do Pará. Essas ações têm contado com apoio do vários parceiros, entre eles do Iphan/MinC, FNDE/MEC, Funai, Petrobras, Embaixada da Noruega, Museu do Índio e Rainforest Foundation. O evento pretende divulgar as atividades e os resultados alcançados nos últimos anos.

 

Publicações – Um conjunto de quatro publicações, resultado das atividades de valorização cultural e formação indígena entre os povos Aparai, Kaxuyana, Tiriyó e Wayana, editadas pelo Iepé com apoio do Museu do Índio, serão lançadas neste dia. São elas: – “Arte Visual dos Povos Tiriyó e Kaxuyana: padrões de uma estética ameríndia”, escrito por Denise Fajardo Grupioni; Livro da arte gráfica Wayana e Aparai, organizado por Lucia Hussak van Velthem e Iori Leonel H. van Velthem Linke; Pape Mïretom Yomukatohu – Livro de alfabetização na língua Kaxuyana e Murehti Enpato Panpira Serë – Livro de alfabetização na língua Tiriyó , elaborados pelos professores Tiriyó e Kaxuyana.

 

Mesa-redonda: O lançamento dos livros será acompanhado de um debate sobre os “Processos de Documentação e Valorização Cultural no Parque Indígena do Tumucumaque (PA)”, numa mesa redonda que contará com as seguintes apresentações: Dez Anos de Atuação do Museu do Índio no Norte do Pará e Amapá (José Carlos Levinho – Antropólogo e Diretor do Museu do Índio/ RJ); Valorização Cultural no Norte do Pará e Amapá (Luis Donisete Benzi Grupioni, antropólogo, coordenador-executivo do Iepé); Preparando livros para alfabetizar nossas crianças em nossas línguas (Ubirajara Kesu Tiriyó, Agnaldo Waratava Kaxuyana e Kutanan Wajãpi Wayana, professores indígenas); Os Tiriyó e Kaxuyana em busca de suas fontes (Denise Fajardo Grupioni, PPDAS/USP e coordenadora do Programa Tumucumaque do Iepé); e Arte gráfica Wayana e Aparai: documentação e valorização (Lucia Hussak van Velthem, antropóloga, MCT e assessora do Iepé).

Sites – Na ocasião também será lançado o novo portal do Programa de Documentação Cultural do Museu do Índio, que conta com apoio da Fundação Banco do Brasil e da Unesco, e que reúne 23 sites com informações sobre povos indígenas, sendo 4 deles sobre os povos que habitam o Parque Indígena do Tumucumaque, que foram elaborados em parceria com a equipe do Iepé.

 

Local: MUSEU DO ÍNDIO – Rua das Palmeiras, 55 – Botafogo – Rio de Janeiro
Data: 24 de março às 19h

 

convite_mostra-progdoc_sem-logo_01

 

Deixe um comentário


Login Form