Área de Atuação

Os principais interlocutores do Iepé são os povos Aparai, Galibi Ka´lina, Galibi Marworno, Karipuna, Kaxuyana, Palikur, Tiriyó, Wajãpi e Wayana, totalizando mais de 10.000 pessoas. Estas comunidades estão distribuídas em 6 Terras Indígenas: Galibi, Juminá e Uaçá (no baixo Oiapoque), Parque Indígena do Tumucumaque, Rio Paru D’Este e Wajãpi, que somam mais de 6 milhões de hectares. O Iepé atua com a perspectiva de uma ação regional voltada tanto à construção de alianças entre os povos indígenas e populações que vivem no entorno das Terras Indígenas – como castanheiros, assentados e gestores de Unidades de Conservação – quanto à proteção e conservação das florestas da região. Com estes mesmos fins, ou seja, estreitar os elos entre os povos indígenas, agir em prol do respeito aos seus direitos enquanto populações diferenciadas e da conservação das florestas, o Iepé também desenvolve um projeto de articulação transfronteiriça que contempla os povos indígenas do Planalto das Guianas (Amapá, Norte do Pará, Guiana Francesa e Suriname).

Aldeia

Aldeia Santo Antônio – Parque Indígena do Tumucumaque (foto: Denise Fajardo Grupioni)

Login Form